quarta-feira, novembro 15, 2017

Restaurante Auberge Jean & Marie

O Auberge foi recomendado por colegas Franceses, que são conhecidps por serem um bocadinho mais esquisit... requintados na escolha de restaurantes e comida.
Fomos então experimentar num Domingo, que pensava eu ser um dia calmo, mas encheu, com mesas ruidosas.
Havia o menu combinado de 3 pratos: paté caseiro, com vegetais agridoces (diz que estava bom) + Blanquette de vitela com alho francês braseado, chalotas e batatas roseval (diz que estava ok sem ser uau) + cheesecake de abóbora com gelado de avelã (o melhor dos 3 pratos que ganhou elogios) – na 2ª foto.
Entrada à parte de beringela assada com flor de mel e chili, ricotta caseira e cevada crocante – era muito bom e bastante picante!
O prato de peixe do dia era... qualquer coisa que não deu para reter a explicação, mas era peixe fresco, tinha mexilhão, um pedaço de polvo, camarão, tinta de choco e puré de batata – era bom e fora do comum.
E para a minha “sobremesa” estava já a sonhar com os queijos, que... eram bonzitos mas fiquei desiludida... para já tive de pedir mais pão, porque 3 pedaços com a fatia fininha era impossível... os queijos eram bons (gosto de todos) mas... já fiquei mais satisfeita noutras ocasiões.
Ouvimos que havia um chefe tuguês, e havia um vinho tuguês tinto e um branco na carta, vá lá...
A senhora não era antipática mas também não nos ligou grande coisa durante a noite, e ficámos lá mais de 4h, outras mesas chegaram depois e saíram antes, e não foi porque demorámos muito tempo a comer...

Talvez  a expectativa fosse elevada, mas não adorámos. Claro que foi bom e um óptimo momento entre amigas, mas não será o 1º restaurante que nos vem à cabeça quando conseguirmos marcar outro jantar...

quinta-feira, novembro 09, 2017

Restaurante Casa di Papi

Encontro com colega e ex-colega em Haarlem, andei perdida à procura da Casa di Papi que afinal era mesmo perto da paragem do bus...
Há sempre vontade para comer pizza... Mas começamos com um antipasti di papi freddi, com vários queijos e carnes curadas, azeitonas.
A pizza do dia seduziu logo, queijo de cabra, figos frescos, pinhões e mel, nhami!!!! E uma mais normal com cogumelos e cebola. 2 pizzas foram suficientes para as 3.
A sobremesa foi mista para partilhar. Eu dispenso sempre o chantilly, quase nem dava para distinguir as opções. Os cannoli siciliani eram maravilhosos! A torta limone era boa, mas o molho de morango estragava. E a desilusão foi o tiramisú... um creme estranho em camadas demasiado grandes, que pena...
Serviço simpático, numa 3f estava cheio e as outras mesas também tinham pratos com bom aspecto.

quinta-feira, novembro 02, 2017

Restaurante Eatmosfera

Mais uma referência para pizzas, e não só, com a vantagem de ser no centro e até estranho ser ao lado da Rembrandtplein e não ser manhoso para turistas...
O Eatmosfera já abriu há uns anos mas só descobri porque foi recomendado por uma amiga Italiana.
Ainda bem que reservámos, numa 3f estava cheio! O que fazer com as rolhas? Forrar um pilar... não é má ideia!
Começámos com um carpaccio de peixe espada com funcho e laranja, muito bom! Depois a pizza do dia com cogumelos, azeitonas e salame toscano. E outra com mozzarella, bacon, chicória e queijo fontina.
Pelo menu no site eu já estava triste porque não havia tiramisú... mas afinal havia, no menu do dia! Pouco doce mas consistente e em grande quantidade... dos bons!
A caminhada para casa não foi suficiente para digerir todo um repasto, mas há dias assim, uma pizza crocante com queijo derretido vai sempre bem!

terça-feira, outubro 31, 2017

Meia sandes de queijo

As minhas bikes sempre tiveram bolsas laterais, ditos alforges, para levar a mala, as compras, a reciclagem, tudo e mais alguma coisa, geralmente bem preenchidas.
Quem tem bolsas e cestos arrisca-se a ter presentes... ora latas de refrigerantes, copos de cerveja (uma vez até meio cheio, deitei fora e levei para casa, o copo era giro), pacotes vazios de comida... lixo. Porcos...
Mas este fds tinha... meia sandes de queijo, dentro da bolsa... qual o seguimento da coisa? Ah estou cheio, não me apetece mais... vou guardar aqui na bolsa desta bike aleatória? Vou deixar aqui e passar mais tarde para continuar a comer? O lxo é muito longe, não cabe no bolso? Melhor não deitar no chão ou dar aos patos no canal? Nunca vou saber, mas ainda me surpreendo!

sexta-feira, outubro 27, 2017

Aqui os patos não comem pão

É favor não dar comida aos patos e pombos e afins... será que era assim tão mau para os moradores se queixarem à câmara, eles verificarem/ concordarem e mandarem fazer os sinais. Seria do barulho que fazem, do cocó, patos a mais?...
Vejo na mesma malta com sacos enormes de pão a dar aos pássaros e patos, mas se calhar não nesta zona ou ainda levam uma multa...

quinta-feira, outubro 19, 2017

Van veg - restaurante veg

Costumava jantar com uma amiga, invariavelmente bifes, dos gigantes, assim de vez em quando. Por razões de saúde, o médico sugeriu que experimentasse mudar para dieta vegan... o peso estabilizou, as borbulhas melhoraram, sente-se melhor, hormonas e tudo... e o namorado de 100kg cheio de músculos com quem vai ao ginásio todos os dias também se converteu e continuam felizes... 
Vamos lá então ter um jantar vegan, que é bom para experimentar coisas novas!
O Van Veg (Haarlem) é vegano e vegetariano, +- em modo take away, mas podendo sentar e comer lá. E já que as doses são grandes, temos logo tudo embalado para levar para casa...

Pedimos umas daredevil balls, muito bastante picantes, umas "batatas" fritas de grão e o "hamburger" de portobello panado com lentilhas.
Depois um Dahl de Bengal, caril Aloo com couve flor e batata e um arroz com côco, chili e folha de caril.
Estufado de vegetais com folha de lima e côco (sabe a "thai") + caril jamaicano com feijão, banana (daquelas grandes para cozinhar), batata doce e milho + uma "bolacha" de cassava marinada em leite de côco.
Partilhámos tudo, muito saboroso e bem condimentado e não conseguimos dar conta do recado...
Mas depois entra o 2o estômago em acção e experimentámos a delícia de chocolate, com bolo, fudge de côco e mousse + um arroz doce com ananás, laranja e côco (o arroz devia estar mais cozido).
Gostámos da comida e ficámos muito bem servidos. Mas não é fácil cozinhar tantos ingredientes, ou não estamos habituados. E neste caso era muito barato, mais vale ir lá que tentar fazer em casa!

quinta-feira, outubro 12, 2017

APA

 A APA, Associação Portuguesa de Amesterdão... é uma boa alternativa aos Lusitanos, especialmente para jantares de grupo, já que podemos ter a sala para nós. Decoração Lisboeta, uma foto do sr Presidente e tv tuga na zona do bar, onde se joga cartas e bebe um café, talvez com cheirinho... ou uma jola, um copo de vinho e dois dedos de conversa.
Neste caso jantar de meninas, a maioria mamãs, umas quase e outras nem por isso. Menu tuguês escolhido, atacámos os pastéis de bacalhau e os rissóis de camarão, enquanto começávamos a desafiar o stock de sumol... às tantas reparámos que estávamos todas a beber sumol, coincidência! Um mega bacalhau à lagareiro que dava para pessoa e meia... e uma serradura dulcíssima. 
Cozinheira simpática, sr muito atencioso e até pediram para tirar foto da grupeta para o fb... 

Uma noite bem passada com boa conversa. E desta vez não houve bailarico ou karaoke :D